Vivo das palavras inconscientes, secretas e invisíveis. Louca por cada detalhe teu. Sou eu... Sou eu, em ti. E não me descreveria melhor.

Início ~ Cartas ~ Sobre mim

sábado, março 24

Lutarei até ao fim, acredita!

Escrever-te torna-se tão repetitivo, também não achas? Mas eu não me importo com tal interrogação. E imploro-te que as coisas continuem pelo menos a correr como tem acontecido. Que não piorem. Então aí, eu nem levantar-me conseguiria. Só o teu sorriso faz-me despertar uma brisa nova e que me possa consolar. Como do costume, serei sempre tua, mesmo o meu corpo nunca te ter pertencido.

8 comentários:

márcia ♥ disse...

que lindo *.*

ana minhalma disse...

adoro o blog é tão perfeito! estou a seguir, se quiseres segue-me também :)

animal racional disse...

meu amor...se forte pf :s
qqlr coisa ja sabes!
amo-te :)

Sophia disse...

Gosto :)

cláudiagomes. disse...

sê fooooorte!

Ana Faia disse...

como te compreendo.

Aurora disse...

não tens de quê, princesaa. gosto muito de ti

Ana Faia disse...

sim compreendo, já passei pelo mesmo querida :))