Vivo das palavras inconscientes, secretas e invisíveis. Louca por cada detalhe teu. Sou eu... Sou eu, em ti. E não me descreveria melhor.

Início ~ Cartas ~ Sobre mim

quarta-feira, março 21

Porra.

Smoke-teen-vintage-favim.com-337152_large 
Consigo escutar perfeitamente a minha desordenada respiração. Consigo e penso no instante em que o estou a fazer. Acalmo-me. Sigo uns curtos, mas demorados, passos e lavo a cara com água gelada. As lágrimas continuam a correr, são incontroláveis. Estás-me no sangue, nas veias e em tudo aquilo que me constrói. Tremo por todos os cantos. Mostro uns olhos cansados perante tal situação. Não me consigo aguentar.

7 comentários:

André Caetano disse...

força manuela!

André Caetano disse...

Alguém me disso, I guess xD

André Caetano disse...

de nada, eu sei como as palavras de um estranho às vezes fazem bem :)

Ana Margarida disse...

Vai correr tudo bem, coração * Se forte e qualquer coisa, conta comigo!

Mariana disse...

Gosto e sigo :) se quiseres segue de volta :D

eva melissa disse...

adoro os teus textos , e o design do blog :)

Ana Gomes disse...

Consegues sim! Força *-*