Vivo das palavras inconscientes, secretas e invisíveis. Louca por cada detalhe teu. Sou eu... Sou eu, em ti. E não me descreveria melhor.

Início ~ Cartas ~ Sobre mim

terça-feira, outubro 23

"National Anthem"

Não me largues agora, não me deixes sequer agarrar-me a outro tipo de droga, senão o teu amor. É o que te peço mais, não me deixes voltar a fazê-lo para que não caia no meio do chão por falta de amor. Não me deixes cair no precipício outra vez. E eu sinto-te comigo, sinto a brisa de quem nunca irá embora. Sinto o teu cheiro e reflicto. E se alguma vez a tristeza cair em mim, nunca te esqueças que, por mais ruas que percorra, sou sempre tua. 

2 comentários:

Aurora disse...

Ora essa princesinha <3

Emily disse...

- não encontro em lado nenhum princesa s: