Vivo das palavras inconscientes, secretas e invisíveis. Louca por cada detalhe teu. Sou eu... Sou eu, em ti. E não me descreveria melhor.

Início ~ Cartas ~ Sobre mim

sexta-feira, dezembro 14

Sei que a minha maturidade aumenta, não quando decido, finalmente, seguir em frente, mas sim quando quero recuperar diamantes que não valorizei graças às loucuras que fiz por ti.

5 comentários:

Aurora disse...

Quando se ama de verdade, comete-se sempre imensas loucuras. Loucuras essas, que depois pensamos no quão elas foram desperdiçadas. Beijinhos, cuida bem de ti <3

Emilie disse...

Este texto está repleto de tanta verdade. Crescer não é conseguir esquecer coisas, é assumir os nossos erros e tentar remedia-los. Muita força :)

Twenty-seven disse...

Pois, infelizmente é.. Mas força, tu consegues. (:

Joo disse...

A tua música: M.I.R.I.A.M. o Valete tem uma música com essa batida :)

RuteRita disse...

adorei completamente!